• Observatório Social

Sergio Moro e William Waack palestram sobre corrupção no primeiro dia do 7º ENOS

Observadores Sociais de Brusque acompanharam as palestras


Ontem à tarde (10) começou a 7ª edição do Encontro Nacional dos Observatórios Sociais e três observadores de Brusque foram até Curitiba para prestigiar o evento que tem duração de três dias. Simultaneamente com o primeiro dia do 7º ENOS, também aconteceu o 2º Fórum Transparência e Competitividade, promovido pelo Sistema Federação das Indústrias do Paraná (FIEP) e pelo Centro Internacional de Atores Locais para a América Latina (CIFAL). 


Entre os palestrantes convidados para o Fórum, estão o jornalista William Waack e o juiz federal Sergio Moro, que encerrou o Ciclo de palestras do primeiro dia do encontro. Mais de 3.000 pessoas participaram das palestras.


Programação


Após a abertura do Fórum aconteceu a palestra "A conjuntura e a corrupção no Brasil: quais são os impactos na competitividade das empresas?", com o jornalista William Waack. Âncora do Jornal da Globo há 10 anos, professor da Universidade de São Paulo (USP) e cientista político formado pela Universidade de Mainz, na Alemanha, Waack foi convidado para palestrar devido o amplo conhecimento que ele possui na área econômica.


Waack foi um dos primeiros a palestrar no 2º Fórum Transparência e Competitividade


Logo na sequência, Waack mediou um painel com o CEO da Siemens do Brasil, Paulo Stark, e com o diretor jurídico da BASF Brasil, André Gustavo de Oliveira, palestrou sobre "A gestão organizacional em face da corrupção". Com o contexto do cenário econômico atual, Stark falou sobre gestão e como as empresas devem enfrentar o problema da corrupção. Às 17 horas, o Fórum trouxe uma mesa jurídica, "O sistema anticorrupção e a responsabilidade das empresas e gestores", com o desembargador Edson Vidal Pinto e com Levi Ceregato, presidente da ABIGRAF. 


No debate, os convidados falaram sobre qual a responsabilidade do gestor em casos de corrupção nas empresas sob o ponto de vista jurídico, e suas consequências. Assuntos como punição, penalidade e delação premiada foram discutidos pelos especialistas.


Sergio Moro


Responsável pela Operação Lava Jato, o juiz federal Sergio Moro encerrou o 2º Fórum Transparência e Competitividade, às 19 horas, com o tema "Corrupção, empresas e controle". Por liderar um novo precedente no país e gerar reflexão sobre a responsabilização dos gestores, os participantes puderam entender qual é a visão do poder judiciário em relação ao tema e o que Moro sugere para a sociedade e empresários como ferramenta de controle.


Sergio Moro, juiz federal responsável pela Operação Lava Jato, encerrou o primeiro dia do encontro

Prestação de Contas


No segundo dia de Encontro, o Observatório Social do Brasil vai realizar a prestação de contas à Rede de Observatórios associados e promoverá um amplo debate para discutir as boas práticas e receber sugestões dos Observatórios municipais.


Fotos: Observatório Social de Brusque

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo