• Observatório Social

Samae arrecadou mais de R$ 13 milhões em 2017

Análise realizada por acadêmicos voluntários aponta as principais arrecadações e os gastos durante os primeiros cinco meses deste ano


O Observatório Social de Brusque realizou um levantamento sobre as receitas e despesas referentes ao Samae (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto de Brusque) durante o ano de 2017. As informações são do Portal da Transparência da autarquia e correspondem ao período de 1º de janeiro até 31 de maio.


Em relação as receitas, os relatórios apontam que até a data desta pesquisa houve uma arrecadação total de R$ 13.202.984,33. Entre as principais fontes de receita, destacam-se a tarifa de água residencial, com R$ 9.874.062,88, responsável por 74,78 % do montante arrecadado; a tarifa de água comercial e industrial, com R$ 1.969.572,10, responsável por 14,91 % do montante; multas e juros de mora, com R$ 99.794,39, totalizando 0,75 % da arrecadação e serviços de religamento de água, com R$ 52.449,37, contabilizando 0,39 % do arrecadado.


Em relação as despesas, até o dia em que a pesquisa foi realizada, foram realizadas despesas na ordem de R$ 8.259.042,40, sendo R$ 7.976.356,57, referentes as despesas correntes/manutenção e R$ 282.685,83 relacionados as despesas de capital.


De todo o valor que foi arrecadado, R$ 4.276.993,00 (32,39%) foram destinados aos custos de pessoal.


Para mais informação, consulte o portal de Transparência do SAMAE:

https://samaebrusque.atende.net/?pg=transparencia#!/grupo/2/item/9/tipo/1


Foto: Diplomata FM/Divulgação

0 visualização