• Eliza Keren M da Silva

Salve os 'Barbosas'

No Banco das escolas, na aula de história, é ensinado que Rui Barbosa (1849 - 1923) foi um homem inteligente, honesto, articulado e fiel defensor da ética e da justiça. Talvez o mais importante personagem da sua época, que enchia de orgulho os brasileiros. Entre tantos legados de Rui, destaca-se uma de suas frases:


"De tanto ver crescer a INJUSTIÇA, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos dos MAUS, o homem chega a rir-se da honra, desanimar-se de JUSTICA e ter VERGONHA de ser HONESTO".

Pois então, alguns dos ‘mensaleiros' foram condenados, o que pode ser considerada um ‘vitória a Justiça brasileira', o que muitos, se não todos, esperavam ansiosamente que se cumprisse.


No País da impunidade e da corrupção, "aparece" outro Barbosa. Homem de bem e com elevado espírito de cidadania, dono de uma história admirável, de superação e determinação, que chegou a mais alta corte do País por seus próprios méritos. E quando chamado, honrou o povo brasileiro, não se acovardando diante de poderosos, não sendo conveniente para aqueles que esperavam algum tipo de complacência. Soube manter-se firme diante de provocações de toda ordem. Teve o reconhecimento da nação. Foi apoiado pela maioria da Suprema Corte para resgatar a HONRA do nosso povo, para acreditarmos na JUSTIÇA e provar que ainda temos homens públicos HONESTOS.


Viva os ‘Barbosas', Viva Joaquim Barbosa - Presidente do Supremo Tribunal Federal


OPINIÃO


O Observatório Social de Brusque e Região irá divulgar, mensalmente, uma nota opinativa sobre estudos ou levantamentos realizados, com o objetivo de chamar a atenção dos leitores sobre os assuntos que tiveram maior destaque durante o mês.


Texto Inspirado na Fala de Nei Ribas - Observatório Social de Ponta Grossa (PR) no 3º Encontro Nacional dos Observatórios Sociais.

0 visualização0 comentário