• Observatório Social

Prefeitura responde sobre estrutura de escolas

O Observatório realizou relatórios a fim de constatar o estado das estruturas em escolas municipais


O Observatório Social de Brusque e Região (OSBr) encerrou suas visitas nas escolas municipais construídas, ampliadas ou reformadas nos últimos dois anos. Foram no total cinco educandários. Entre eles, as Escolas de Ensino Fundamental Alberto Pretti, Isaura Gouvêa Gevaerd, Cedro Alto, Rotary Club Companheiro Ayres Gevaerd e Padre Vendelino Wiemes.


As visitas foram agendadas junto a secretaria municipal de Educação e os observadores sociais avaliaram somente questões aparentes, como rachaduras, desprendimento de reboco e outros problemas construtivos visíveis. Cada visita gerou um relatório que foi encaminhado ao prefeito de Brusque para que tomasse conhecimento e providenciasse ações para sanar problemas, se fosse o caso.


A Prefeitura já respondeu alguns dos relatórios, informando sobre a resolução de problemas, ou o devido acionamento da construtora da obra para os devidos reparos. De uma forma geral, as escolas visitadas estão adequadas às necessidades dos alunos, porém, foram identificados alguns problemas que chamaram atenção, como por exemplo, telhados com vazamento de água da chuva e desprendimento de reboco de construções novas, mas o que mais chamou a atenção dos observadores foi o fato de que na Escola Padre Vendelino Wiemes, localizada no Bairro Cedrinho, foi construída recentemente com uma ampliação para atender o ensino fundamental, onde a parte administrativa fica no térreo e as salas de aula no piso superior. Porém, o único acesso para as salas de aula é feito através de uma escada, ou seja, não tem acesso adequado para portadores de deficiência (rampa).


A partir do segundo semestre, o OSBr pretende visitar os demais prédios públicos municipais construídos, reformados e ampliadas nos últimos dois anos.


Foto: Diplomata FM

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo