• Eliza Keren M da Silva

Município economiza mais de 534 mil com pregão

O pregão para aquisição de alimentos especiais para dietas enterais gerou economia de R$ 534.400,00 para os cofres públicos do município. O certame do Fundo Municipal de Saúde de Brusque (FMS), que ocorreu na tarde de terça-feira (10) na Prefeitura de Brusque, teve sete empresas concorrendo aos 12 itens da licitação.

A Bruthan Comercial LTDA fornecerá dieta semi-elementar ou hipoalérgica pelo custo de R$ 66.000,00. A CM Hospitalar LTDA vai fornecer espessante de alimentos para pacientes com disfagia, pelo valor de R$ 22.500,00; dieta enteral líquida para crianças a partir de 1 ano, pelo custo de R$ 54.000,00 e suplemento oral líquido para tratamento de úlcera por pressão, com o custo de R$ 4.800,00.

P. F. G. Comercial LTDA - Me ficou com quatro itens da licitação, sendo eles: formula infantil de partida em pó, para os seis primeiros meses de vida de lactentes, com o custo de R$ 20.000,00; formula infantil para lactentes desde o nascimento, pelo valor de R$ 18.000,00; formula infantil de segmento em pó, para o segundo semestre de vida de lactentes, pelo custo de R$ 12.00,00 e formula infantil hipoalérgica para o primeiro ano de vida, pelo valor de R$ 14.000,00.

A Prodiet Nutrição Clínica LTDA fornecerá nutrição em pó para crianças de 3 a 10 anos, com o custo de R$ 28.800,00; dieta para uso oral ou enteral para adolescentes, adultos e idosos, pelo valor de R$ 26.000,00 e dieta para uso oral ou enteral polimérica e nutricionalmente completa para adolescentes, adultos e idosos, com o custo de R$ 26.000,00.

O primeiro item da licitação, referente a equipo para alimentação enteral foi desclassificado, pois o valor proposto pela administração pública está inferior ao valor do mercado e, portanto, nenhuma empresa apresentou proposta.

A estimativa de gasto era de R$ 826.500,00 e após os itens serem licitados, o custo total fechou em R$ 292.100,00. O OSBr participou do processo licitatório.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo