• Observatório Social

MP denuncia feijoada de mensaleiros

Além da denúncia, o Ministério Público ainda solicitou a mudança de presídio dos condenados


O Ministério Público (MP) do Distrito Federal e Territórios denunciou na última terça-feira (25) a realização de uma feijoada no Centro de Progressão Provisória por condenados do mensalão.

O MP ainda solicitou à Vara de Execuções Penais (VEP) que peça ao governador do DF, Angelo Queiroz, que tome providências contra a atitude considerada ‘grave'. Se caso não for solucionado o problema, o Ministério Público pede que os condenados sejam transferidos para um presídio federal.

A feijoada foi comprovada por meio de depoimentos de presos que disseram que o evento foi feito com exclusividade para os condenados. O MP ainda disse que a feijoada destoou da "alimentação disponibilizada rotineiramente aos demais internos".

A denúncia será analisada pelo juiz da VEP, caso for necessário, o magistrado pode encaminhar o caso ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa.

Ao final da petição, o MP sugeriu a transferência dos presos a um presídio federal. "Caso Vossa Excelência (juiz da VEP) constate a impossibilidade de correção das irregularidades apontadas, por eventual inércia do Poder Executivo local (o governo do DF), o Ministério Público requer, desde já, que seja encaminhada representação ao STF para fins de transferência dos condenados da Ação Penal 470 que se encontram no sistema prisional do DF para um dos presídios federais".


Com informações do UOL

0 visualização0 comentário