• Eliza Keren M da Silva

Levantamento aponta que Brusque tem 1829 famílias beneficiadas com o Bolsa Família

O Bolsa Família é um benefício do governo para as famílias carentes que não possuem renda suficiente para manter a casa e os filhos. O Observatório Social, juntamente com os acadêmicos da Unifebe, fez um levantamento para descobrir quantas famílias de Brusque, Botuverá e Guabiruba recebem e qual a média mensal repassada.


Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social de Combate à Fome, para ter direito ao benefício, é necessário se enquadrar em um dos tipos: família que vivem na extrema pobreza, ou seja a renda per capita por pessoa não passa de R$ 77,00 mensais; ou famílias que são consideradas pobres em que a renda per capita por pessoa fica entre R$ 77,01 e R$ 154,00 mensais, desde façam parte da família crianças e adolescentes de 0 até 17 anos.


Os dados foram coletados no site do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia Estatística) e no site do Portal da Transparência do Governo. Os números são referentes aos dez primeiros meses de 2015.


Brusque


A cidade do Vale do Itajaí, com aproximadamente 122.775 mil habitantes, tem 1.829 famílias cadastradas no bolsa família. O município está na 14ª posição do estado de Santa Catarina que mais recebe o benefício. O valor repassado pelo governo Federal às famílias carentes de Brusque nos primeiros dez meses de 2015 foi de R$ 2.194.999,00. A média do valor que cada família recebeu foi de R$ 1.200,10 durante o período avaliado.


Botuverá


Com 4.943 mil habitantes, tem apenas 40 famílias beneficiadas que receberam em média R$ 1.255,92 cada. O total destinado aos favorecidos do município foi de R$ 50.237,00.


Guabiruba


O município Guabiruba tem 397 famílias cadastradas no benefício e receberam em média R$ 1.101,44 cada. A cidade de aproximadamente 21.612 mil habitantes, recebeu do governo federal o valor de R$ 437.273,00 repassado diretamente as famílias favorecidas.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo