• Observatório Social

Casos de soropositivos diminuem na região

Atualizado: 17 de Jul de 2019

Em contrapartida, o Ministério da Saúde estima que 112 mil brasileiros são portadores da doença e não sabem


O dia primeiro de dezembro é marcado como o Dia Mundial da Luta Contra a Aids. A doença é transmitida através da relação sexual sem camisinha; uso de seringa ou agulha contaminada; transfusão de sangue contaminado; instrumentos que furam ou cortam não esterilizados; e também de mãe infectada para o filho, podendo ocorrer de duas maneiras: no parto ou na amamentação.


Segundo o Ministério da Saúde do Brasil, estimasse que 827 mil pessoas vivem com o HIV, mas apenas 455 mil estão em tratamento, enquanto 372 mil não estão. Dessas pessoas que não estão em tratamento, apenas 260 mil sabem que são portadoras da doença. Ou seja, 112 mil pessoas que são soro positivo sequer sabem disso.


Em função disso, o OSBr realizou uma pesquisa dos casos de Aids na região. Entre 1980 e 2010, Brusque registrou 585 pessoas com soro positivo, mas os números caíram gradativamente e em 2015 foram 21 casos.


Já em Guabiruba, de 1980 a 2010 foram 32 casos, número esse que foi reduzido para três no ano passado. Botuverá registrou apenas 2 pessoas portadoras da doença em 1980 e 2010, e em 2015 foi apenas um caso.


Apesar dos números serem positivos, é necessário saber que desde 1996 até 2014, 155 pessoas morreram em Brusque em decorrência da Aids, Guabiruba registrou 12 mortes e Botuverá teve apenas uma morte registrada entre 1996 e 2010.


Confira os dados do Ministério da Saúde aqui.

Foto: maeseamigas.com

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo