• Eliza Keren M da Silva

Brusque: Emergências atendidas pelos Bombeiros crescem 13% em 2012

Aumenta o número de emergências atendidas no último ano em Brusque. É o que registra o Corpo de Bombeiros da cidade. Em comparação ao ano anterior a crescente foi de aproximadamente 13%. Estes números incluem acidentes de trânsito, vítimas de acidentes de trânsito, incêndios em edificações e acidentes domésticos.


Comparando os anos de 2011 e 2012, só de acidentes de trânsito houve um aumento aproximado de 5,6%, já o número de vítimas atendidas subiu para quase 17,65%, quanto aos incêndios em edificações os registros apontam para uma crescente de aproximadamente 16,5%, e por fim os acidentes domésticos, registrando aumento que permeia os 21%.


Feito uma média dos acidentes de trânsito e vítimas de acidentes por dia nos anos de 2011 e 2012 foram registrados alguns dados. No ano de 2011 os acidentes foram em média de 3,70 ao dia e o número de vítimas 3,35. Já no ano seguinte o número médio registrado de acidentes de trânsito por dia foi de 3,9, causando aproximadamente 3,9 vitimas.


Fazendo um comparativo entre a população total de Brusque e o número de vítimas de trânsitos registrados em 2012, conclui-se que em média 1,32% da população foi vítimas destes acidentes.

Abaixo, gráfico que demonstra a crescente de emergência registrada no último ano em comparação ao ano anterior.











Risco ou causas mais frequentes de acidentes domésticos

Foram listados alguns fatores de riscos e causas mais frequentes de acidentes domésticos para que a população possa se atentar e prevenir acidentes futuros.

• Escorregar ao andar sobre pisos molhados, úmidos ou encerados;

• Andar de meias ou usar chinelos e sapatos mal apertados;

• Móveis no meio do caminho (gavetas abertas, por exemplo), principalmente entre o quarto e a casa de banho;

• Escadas com degraus de tamanhos diferentes;

• Tapetes nos quartos, casas de banho, corredores e outras divisões da casa;

• Pouca iluminação;

• Estar em pé em cima de um banco ou cadeira;

• Tonturas ao levantar-se;

• Visão alterada pela idade;

• Perda do equilíbrio, muitas vezes causada por remédios;

• Nos mais idosos, enfraquecimento dos ossos e dos músculos;

• Soleiras das portas não niveladas com o chão.


Repercussão Nacional

O ocorrido na cidade de Santa Maria, onde mais de 230 jovens forma mortos em uma boate devido ao incêndio causado por um sinalizador, chamou não só a atenção dos órgãos públicos quanto a fiscalização dos estabelecimentos ao longo de todo Brasil, mas também de toda população. As pessoas estão mais atentas quanto às condições de segurança dos locais, principalmente quando diz respeito a casas noturnas. Informações apuradas pelo portal G1 apontam que em uma semana 423 casas noturnas foram interditadas no Brasil, sendo 172, somente na região sul. Em comparação com as demais a região sul está disparada na frente.

Fonte Informações sobre risco ou causas mais frequentes de acidentes domésticos foram retiradas do site da Defesa Civil. Repercusão nacional foi retirado do portal G1.


Foto: Blog Moises Padilha

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo